quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

É UMA IGREJA OU EMPRESA? UNIVERSAL DÁ PREMIAÇÕES PARA PASTORES QUE ARRECADAM MAIS!

Universal dá prêmio aos pastores que mais arrecadam

Como se fosse uma empresa que gratifica seus executivos que mais contribuem para o aumento do faturamento, a Igreja Universal dá viagem internacional como prêmio aos pastores que mais arrecadam dízimo.

É o que mostram imagens de uma videoconferência de Romualdo Panceiro (foto) com pastores regionais. O número dois da hierarquia da  igreja afirma que os sete pastores que apresentarem o “maior crescimento” na arrecadação iam ganhar uma viagem a Israel.

O ex-pastor Eduardo Cândido da Silva, que move ação contra a igreja por danos morais, entregou ao repórter Rubens Valente, da Folha de S.Paulo, cinco vídeos com a videoconferência. No total, são seis horas de gravação.

Trata-se de uma segunda leva de vídeos. Na primeira, Panceiro aparece dando orientações aos pastores sobre como manter a arrecadação do dízimo em época de crise econômica do país.

Nas gravações agora divulgadas, Panceiro orienta os pastores a “não limitar” o valor do dízimo na campanha “Fogueira Santa”.

Ele ensinou que os pastores devem “estipular” o dízimo, começando por um valor alto e reduzindo-o de acordo com a disponibilidade dos fiéis, recebendo oferta mesmo que seja pouca coisa.

"O pastor pega uma quantidade de envelope, 20. E pega aí, uma pessoa com dez [mil reais], ou duas. Porque vem, rapaz. Isso é muito forte. O pastor pede aí duas pessoas, ou três, com 5.000. E depois o pastor vai, como se diz, vai abaixando. Entendeu? E depois que chegar a 20 ou 10 reais, diga assim: "O que você tem para colocar?'"

Ele informou estar atento para evitar que pastores “malandros” diminuíssem a coleta do dízimo para, em seguida, “arrebentar” [aumentá-la], de modo a ganhar a viagem. “Eu tenho um programa [de computador] aqui que é batata, que bate com a boleta legal.”

Panceiro citou como exemplo um pastor de Guarulhos (SP) que elevou a arrecadação mensal de R$ 5.000 para perto de R$ 100 mil. Para ele, o ideal seria que os 2.000 templos da Universal apresentassem igual  desempenho.

O bispo Edir Macedo, em seu blog, acusou a Folha de estar sustentando uma campanha difamatória contra a Igreja Universal.

Escreveu que o jornal manifesta preconceituoso religioso ao considerar como prêmios aos pastores as viagens a Israel. “São viagens cansativas e curtas, de quatro, cinco dias, no máximo.” Mas ele não explicou porque são escolhidos justamente os maiores coletores de dízimo para o suposto incômodo das tais viagens.

No blog do Macedo há até agora 170 comentários de leitores com manifestação de apoio. Alguns deles afirmam que a Folha está a serviço do Satanás.

“O que você tem para colocar no envelope?”

 
A INTENÇÃO DOS LÍDERES NÃO É ABENÇOAR, É ARRECADAR DINHEIRO E "SUBIR COM A IGREJA"! DIZ SUCESSOR DE EDIR MACEDO!
 

Com informação da Folha de S.Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário