quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Denuncia: Pastor que se veste de mendigo na verdade é um Milionário e ostenta bens de valores





O autointitulado apóstolo Agenor Duque (foto), 37, dono da Igreja Plenitude do Trono de Deus, apresenta-se em seus cultos vestido de mendigo, com uma túnica feita com um tecido simulando ser de saco de estopa, para passar a ideia de pobreza e humildade. Mas ele nunca disse aos seus fiéis que costuma se locomover de Porsche, de Ferrari e um jatinho. O pastor é milionário.

 

No dia-a-dia, fora do palco de cultos, Duque se veste com a gripe Hugo Boss, usa cordões, anéis e relógios dourados e calca os tênis Nikes mais caros. 

Duque tem cerca de 20 igrejas em São Paulo, Rio, Minas, Goiás, Distrito Federal e Amazonas. A Plenitude aluga horário na TV e rádio.


Época apontou o ex-viciado em drogas Duque como o pastor emergente da vez. Ele já tinha passado pela Igreja Universal e Mundial. Ele teve, portanto, Edir Macedo e Valdemiro Santiago como professores, os melhores que um líder neopentecostal pode almejar.


Duque tem uma parceria com o pastor André Salles, que foi o responsável pela conversão da ex-senadora Marina Silva. 


O diferencial de Duque é que ele faz o “milagre” de os fieis esquecerem-se do que desejarem. Costuma dizer que Deus apaga da memória o passado de sofrimento.


Em um culto, por exemplo, ele fez um jovem esquecer que era homossexual, evocando um milagre de “manassés”, palavra que em hebraico significa “esquecimento”, entre outras acepções.


O que Duque faz, na verdade, é uma nova versão da “cura gay” e de preconceito contra os homossexuais.


Duque e seus pastores são tão habilidosos em tirar dinheiro dos fiéis quanto os demais pregadores neopentecostais. Ele não se constrange em pedir o 13º e o FGTS dos fiéis. 


Uma pastora de Duque — após a leitura de 1 Reis 17, sobre uma viúva miserável que doou a um profeta tudo o que tinha, um punhado de farinha e um pouco de azeite — conseguiu que uma fiel doasse todo o dinheiro que tinha na carteira, uma nota de 50 reais.


“Prova para Deus que você acredita Nele”, disse a pastora. 


“Precisa ser um sacrifício grande, algo que dói! Limpa a carteira! Raspa a carteira! Ou faz como uma mulher no culto desta manhã, que doou o próprio carro.”


Com tanta falta de escrúpulo, a Igreja de Duque tende a se manter em crescimento, se a concorrente e dona do mercado, a Universal, deixar.


De qualquer modo, valem as palavras do doutor em ciências da religião Paulo Romeiro: “A igreja neopentecostal brasileira é cega, infantilizada, cheia de picaretas e cambalacheiros.” Fontes: Época e Paulo Lopes


OPINIÃO ANDRÉ DE MORAES:


NETO DE EDIR MACEDO, NA FÉ, AGENOR DUQUE, APRENDEU DIREITINHO COMO LESAR O POVO DETURPANDO AS PALAVRAS DE DEUS:

O GRANDE PROBLEMA É QUE O POVÃO NÃO QUER UM HOMEM DE DEUS DE VERDADE! PQ SE VIER UM DE VERDADE ELE NÃO PREGARÁ PARA O POVO FICAR RICO, E SIM DISTRIBUIR UM POUCO DO QUE TEM COMO O PRÓXIMO
ELE NÃO VAI PREGAR QUE DEUS VAI SERVÍ-LO COMO UM GARÇOM, E SIM QUE QUEM É SERVO SOMOS NÓS E QUE NÃO TEMOS DIREITO ALGUM E SIM PECADOS AOS MONTES!
ELE NÃO VAI PREGAR QUE DEVEMOS IR PRA "IGREJA" PRA CONSEGUIR BÊNÇÃOS, MAS SIM QUE DEVEMOS NOS ENCONTRAR EM QUALQUER LUGAR, ATÉ MESMO NAS "DENOMINAÇÕES" (CHAMADA ERRADAMENTE DE "IGREJAS) PRA FALAR SOBRE O AMOR DE DEUS, APRENDER DA SUA PALAVRA, TER COMUNHÃO COM OS IRMÃOS E ADORAR A DEUS (SE BEM QUE ESSE ÚLTIMO TBM PODEMOS FAZER EM QUALQUER LUGAR!);
ELE VAI DEIXAR DE PREGAR ESSE MONTE DE MENTIRAS DE QUE DEUS VAI DAR ISSO E AQUILO, MAS SIM A VERDADE: DE QUE JESUS CRISTO, NO TEMPO DA GRAÇA, NÃO GARANTIU VIDA FINANCEIRA ABENÇOADA, MAS ADVERTIU QUE ELA SERIA CHEIA DE TRIBULAÇÕES!
ENFIM, O POVO VAI NESSAS SEITAS PRA OUVIR O QUE DESEJAM, E ESSES FALSOS PROFETAS SABEM DISSO E DIZEM O QUE ELES QUEREM OUVIR!
LOGO, PERCEBEMOS QUE AMBOS ESTÃO ERRADOS E SE MERECEM!
NA VERDADE, AGENOR DUQUE, FALSO PROFETA E MAL CARÁTER, DEVE É RETIRAR MUITO MAIS DO QUE VEM TIRANDO DESSE POVO CORRUPTO!

Nenhum comentário:

Postar um comentário