terça-feira, 28 de julho de 2015

A IGREJA PASSARÁ SIM PELA GRANDE TRIBULAÇÃO!



ESSE TEMA É MUITO DISCUTIDO E MUITO MAL INTERPRETADO TAMBÉM: A IGREJA PASSARÁ PELA TRIBULAÇÃO?
PARA ESCLARECER DE FORMA "BEM CLARA" POSTAREI VÁRIOS ARTIGOS COMPROVANDO QUE A IGREJA PASSARÁ SIM PELA GRANDE TRIBULAÇÃO.
ORE A DEUS, PEGUE SUA BÍBLIA E ANALISE, QUESTIONE TUDO O QUE QUE LER E ENCONTRE A VERDADE!
                                                                                                                            ANDRÉ DE MORAES.




 PARTE 1

A esmagadora maioria da igreja protestante crê que os cristãos serão arrebatados antes da Grande Tribulação. Tal crença, principalmente no Brasil, tem origem na doutrina trazida pelos missionários dos Estados Unidos, que pregaram o evangelho nestas terras, no século passado.

Acontece, que para o cristão, acreditar no arrebatamento pré-tribulacional, além de não possuir qualquer base bíblica, torna-se muito perigoso, pois faz com que a pessoa não se prepare materialmente, emocionalmente e espiritualmente para os dias difícieis que virão.

Através desta série de postagens, percorrerei o Novo Testamento, analisando passagens bíblicas que colocam por terra qualquer argumento pré-tribulacionista, além de dar a certeza ao cristão, de que a igreja efetivamente passará pela grande tribulação que ora se avizinha.

Começamos por Mateus, Cap 13, versículos 24 a 30:

 "Propôs-lhes outra parábola, dizendo: O reino dos céus é semelhante ao homem que semeia boa semente no seu campo; mas, dormindo os homens, veio o seu inimigo, e semeou o joio no meio do trigo, e retirou-se. E, quando a erva cresceu e frutificou, apareceu também o joio. E os servos do pai de família, indo ter com ele, disseram-lhe: Senhor, não semeaste tu no teu campo boa semente? Por que tem então joio? E ele lhes disse: Um inimigo é que fez isso. E os servos lhe disseram: Queres pois que vamos arrancá-lo? Porém ele lhes disse: Não; para que ao colher o joio não arranqueis também o trigo com ele. Deixai crescer ambos juntos até à ceifa; e, por ocasião da ceifa, direi aos ceifeiros: Colhei primeiro o joio, e atai-o em molhos para queimar, mas o trigo ajuntai-o no meu celeiro."


E adiante, Jesus mesmo explica o significado da parábola:

Mt Cap 13, 37-43, que diz:

 "E ele, respondendo, disse-lhes: O que semeia a boa semente, é o Filho do homem; o campo é o mundo; e a boa semente são os filhos do reino; e o joio são os filhos do maligno; o inimigo, que o semeou, é o diabo; e a ceifa é o fim do mundo; e os ceifeiros são os anjos. Assim como o joio é colhido e queimado no fogo, assim será na consumação deste mundo. Mandará o Filho do homem os seus anjos, e eles colherão do seu reino tudo o que causa escândalo, e os que cometem iniquidade. E lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá pranto e ranger de dentes. Então os justos resplandecerão como o sol, no reino de seu Pai. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça."


COMENTÁRIO: Então, conforme o que foi dito, somente no dia em que o Senhor mandar os anjos realizarem a colheita, é que ocorrerá a separação entre os justos e os injustos. Neste mesmo dia, os injustos serão lançados no lago de fogo, e os justos irão para o reino do Pai. Logo, a tese de que a igreja será levada 7 anos antes, cai totalmente por terra.



PARTE 2 – A REDE LANÇADA AO MAR


Mateus 13: 47-50


"Igualmente o reino dos céus é semelhante a uma rede lançada ao mar, e que apanha toda a qualidade de peixes. E, estando cheia, a puxam para a praia; E, assentando-se, apanham para os cestos os bons; os ruins, porém, lançam fora. Assim será na consumação dos séculos: virão os anjos, e separarão os maus dentre os justos. E lançá-los-ão na fornalha de fogo: ali haverá pranto e ranger de dentes."


COMENTÁRIO: A rede lançada ao mar é o evangelho pregado no mar das nações, que traz para si tanto o trigo (ovelhas), como o joio (bodes). Mas, quando for pregado a palavra em todo o mundo, e se completar o número de pessoas a serem salvas, então o Senhor puxará a rede para a praia (através do arrebatamento), separando os justos dos ímpios, levando os justos para a eternidade com Deus, e lançando os maus no lago de fogo eterno. Assim, os justos e os maus estarão juntos até à volta do Senhor, sendo que somente nesta volta é que serão separados. Logo, a Igreja passará pela Grande Tribulação.

Amém.

PARTE 3


Mt 24:21-22

 "Porque haverá então grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tão pouco há de haver. E, se aqueles dias não fossem abreviados, nenhuma carne se salvaria, mas por causa dos escolhidos serão abreviados aqueles dias."


Mt 24:29-31


"E, logo depois da aflição daqueles dias, o sol escurecerá, e a lua não dará a sua luz, e as estrelas cairão do céu, e as potências dos céus serão abaladas. Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem; e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão o Filho do homem, vindo sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória. E ele enviará os seus anjos com rijo clamor de trombeta, os quais ajuntarão os seus escolhidos desde os quatro ventos, de uma à outra extremidade dos céus."


COMENTÁRIO: Cristalina esta passagem. Nada mais claro. Após a grande aflição (tribulação), Jesus aparecerá no céu, todos o verão, inclusive os ímpios, que se lamentarão por o terem rejeitado. Concomitantemente, os anjos ajuntarão os servos de Cristo, e os levarão para perto do Senhor. Conclusão: O arrebatamento somente ocorrerá após a grande tribulação.

Amém.


PARTE 4 – A PARÁBOLA DAS DEZ VIRGENS

Mt 25:1-12


"Então o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram ao encontro do esposo. E cinco delas eram prudentes, e cinco loucas. As loucas, tomando as suas lâmpadas, não levaram azeite consigo. Mas as prudentes levaram azeite em suas vasilhas, com as suas lâmpadas. E, tardando o esposo, tosquenejaram todas, e adormeceram, mas à meia-noite ouviu-se um clamor; aí vem o esposo, saí-lhe ao encontro. Então todas aquelas virgens se levantaram, e prepararam as suas lâmpadas. E as loucas disseram às prudentes: Dai-nos do vosso azeite, porque as nossas lâmpadas se apagam. Mas as prudentes responderam, dizendo: não seja que nos falte a nós e a vós, ide antes aos que o vendem, e comprai-o para vós. E, tendo elas ido comprá-lo, chegou o esposo, e as que estavam preparadas entraram com ele para as bodas, e fechou-se a porta. E depois chegaram também as outras virgens, dizendo: Senhor, Senhor, abre-nos. E ele, repondendo, disse: Em verdade vos digo que não vos conheço."



COMENTÁRIO: Segundo a doutrina pré-tribulacionista, que afirma que a igreja será arrebatada antes da grande tribulação, logo após o arrebatamento, haverá uma segunda chance para aqueles que ficaram. Tal afirmação não nenhum cabimento bíblico, pois segundo a parábola das dez virgens, aquelas que ficaram serão definitivamente rejeitadas pelo esposo, e a porta (da graça) nunca mais será aberta para elas. Conclusão: A IGREJA PASSARÁ PELA GRANDE TRIBULAÇÃO


PARTE 5

Mt 25:31


"E quando o Filho do homem vier em sua glória, e todos os santos anjos com ele, então se assentará no trono da sua glória."


COMENTÁRIO: O pré-tribulacionismo afirma que esta passagem bíblica refere-se à vinda de Jesus para instaurar o reino milenar, e que nessa vinda o Senhor voltará já tendo a igreja ao seu lado, após a mesma ter participado das bodas do Cordeiro. Acontece, que nesta passagem, a Bíblia afirma claramente que o Senhor voltará somente com os seus anjos. Logo, a igreja não voltará com Cristo, pois ela ainda estará na terra.

PARTE 6

Mt 25:31-34

 "E, quando o Filho do homem vier em sua glória, e todos os santos anjos com ele, então se assentará no trono da sua glória; e todas as nações serão reunidas diante dele, e apartará uns dos outros, como o pastor aparta dos bodes as ovelhas; e porá as ovelhas à sua direita, mas os bodes à esquerda. Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo;"


Mt 25:42


"Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos."


Mt 25:46


"E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna."


COMENTÁRIO: Quando Jesus voltar, Ele apartará os bodes das ovelhas através do arrebatamento. Após, se assentará no seu trono e dirá aos justos que eles irão para o reino dos céus. Dirá também aos ímpios que os mesmos irão para o fogo eterno. Assim, concluimos mais uma vez que os justos somente serão separados dos ímpios quando da volta de Jesus, através do arrebatamento. Logo, a Igreja passará pela grande tribulação.

PARTE 7

II Tess 2:3

"Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição."

COMENTÁRIO: Nesta passagem, Paulo afirma aos irmãos tessalonicenses que o dia da volta de Jesus somente aconteceria quando ocorresse a apostasia e se revelasse o Anticristo. A apostasia já estamos vendo ocorrer nos dias de hoje, e o só falta aparecer o Anticristo, que creio que será breve. Logo, a Igreja passará pela grande tribulação.

PARTE 8

Jo 5: 28-29

"Não vos maravilheis disto; porque vem a hora em que todos os que estão nos sepulcros ouvirão a sua voz. E os que fizeram o bem sairão para a ressurreição da vida; e os que fizeram o mal para a ressurreição da condenção."

 COMENTÁRIO: Vemos nesta passagem que a ressurreição dos justos e dos ímpios ocorrerá no mesmo período de tempo, com a diferença que os justos ressuscitarão com corpos transformados e serão automaticamente arrebatados, e os ímpios sairão dos sepulcros para a condenação. Com relação á passagem da igreja pela grande tribulação, este versículo nos diz que a ressurreição dos justos será somente no final, e não antes da grande tribulação. Como o arrebatamento dos salvos se dará concomitantemente à ressurreição dos mesmos, podemos concluir que o arrebatamento somente ocorrerá no final, após a igreja ter passado pela grande tribulação

 PARTE 9

Jo 6:39-40

"E a vontade do Pai que me enviou é esta: que nenhum de todos aqueles que me deu se perca, mas que o ressuscite no último dia. Porquanto a vontade daquele que me enviou é esta: que todo aquele que vê o Filho, e crê nEle tenha a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia."


Jo 6:44

"Ninguém pode vir a mim, se o Pai que me enviou o não trouxer: e eu o ressuscitarei no último dia."


Jo 6: 54

"Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna, e eu o ressuscitarei no último dia."


Jo 11:24

"Disse-lhe Marta: Eu sei que há de ressuscitar na ressurreição do último dia."


Jo 12:48

"Quem me rejeitar a mim, e não receber as minhas palavras, já tem que o julgue; a palavra que tenho pregado, essa o há de julgar no último dia."

COMENTÁRIO: Nas passagens bíblicas acima, vemos claramente Jesus falando que tanto o julgamento quanto á ressurreição somente ocorrerão no último dia. A doutrina pré-tribulacionista ensina que a igreja será arrebatada antes da grande tribulação, mas o que vemos no texto acima, é que tanto a volta de Jesus, quanto o arrebatamento e o julgamento ocorrerão no último dia, e não sete anos antes. Logo, a Igreja passará pela grande tribulação.

PARTE 10

II Pe 3:10-14


"Mas o dia do Senhor virá como o ladrão de noite; no qual os céus passarão com grande estrondo, e os elementos, ardendo, se desfarão, e a terra e as obras que nela há, se queimarão. Havendo pois de perecer todas estas coisas, que pessoas vos convém ser em santo trato, e piedade, aguardando, e apressando-vos para a vinda do dia de Deus, em que os céus, em fogo se desfarão, e os elementos, ardendo, se fundirão? Mas nós, segundo a sua promessa, aguardamos novos céus e nova terra, em que habita justiça. Pelo que, amados, aguardando estas coisas, procurai que dele sejais achados imaculados e irrepreensíveis em paz."

 COMENTÁRIO: Primeiramente, Pedro diz que o Senhor virá como o ladrão de noite, ou seja, pegará de surpresa a todos que não possuem a salvação. Em seguida, o Apóstolo nos diz que nós devemos estar vivendo uma vida de piedade e santo trato, aguardando este dia da vinda de Deus. Essa afirmativa nos diz claramente que o alvo do cristão, além da salvação, é estar aguardando a volta de Jesus naquele último dia, em que a terra e as suas obras serão queimadas no fogo, e não esperar um arrebatamento secreto sete anos antes do milênio.


PARTE 11

I Cor 15:23-26

"Mas cada um por sua ordem: Cristo as primícias, depois os que são de Cristo, na sua vinda. Depois virá o fim, quando tiver entregado o reino a Deus, ao Pai, e quando houver aniquilado todo o império, e toda a potestade e força. Porque convém que reine até que haja posto a todos os inimigos debaixo de seus pés. Ora o último inimigo que há de ser aniquilado é a morte."


COMENTÁRIO: Nesta passagem, Paulo diz ao cristãos como será a sequência da vinda de Cristo. Primeiro, a ressurreição de Cristo, que já aconteceu, segundo a ressurreição dos que são de Cristo, na sua vinda, e após este evento, Ele entregará o reino ao Pai. Diz ainda, que ele somente entregará o reino ao Pai, quando todos os inimigos estiverem aniquilidados, e que o último inimigo a ser derrotado é a morte. Pergunta: Quando então a morte será aniquilada? Resposta: Quando os mortos ressuscitarem, ou seja, no arrebatamento dos vivos e dos mortos ressuscitados. Assim, segundo Paulo, logo após a derrota da morte (ressurreição dos mortos e arrebatamento), Jesus entregará o reino ao Pai. Então, entre estes dois eventos, não existe um lapso temporal de grande tribulação na terra, nem também existirá uma segunda chance para aqueles que ficaram.

PARTE 12

Hb 9:27-28


"E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois o juízo, assim também Cristo, oferecendo-se uma vez, para tirar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que o esperam para a salvação."

COMENTÁRIO: A doutrina do pré-tribulacionismo afirma, que antes da grande tribulação, Jesus virá secretamente e arrebatará os salvos para os céus, sendo que os que aqui ficarem, sofrerão os juízos divinos e a perseguição do anticristo. Assim, sabendo que Cristo já veio uma vez, se entendermos da maneira pré-tribulacionista, ele virá mais uma vez para arrebatar os salvos e mais outra vez para instalar o milênio na terra, juntamente com a igreja, ou seja: serão então três vindas de Cristo. Acontece, que o escritor do livro de Hebreus nos afirma que Cristo já veio uma vez e que virá ainda mais uma vez para salvar os seus e trazer juízo ao mundo, perfazendo um total de duas vindas, e não três vindas. Conclusão: Cristo virá somente mais uma vez, no final da grande tribulação, e a igreja passará pela mesma.

PARTE 13
Jd 1:14-15


"E destes profetizou também Enoque, o sétimo depois de Adão, dizendo: Eis que é vindo o Senhor com milhares de seus santos; para fazer juízo contra todos e condenar dentre eles todos os ímpios, por todas as suas obras de impiedade, que impiamente cometeram, e por todas as duras palavras que ímpios pecadores disseram contra ele."


Lc 9:26

"Porque, qualquer que de mim e das minhas palavras se envergonhar, dele se envergonhará o Filho do homem, quando vier em sua glória e na do Pai e dos santos anjos."

COMENTÁRIO: Aqueles que defendem o arrebatamento antes da grande tribulação, argumentam que os "santos" da passagem mencionada em Judas, refere-se à igreja voltando com Cristo para estabelecer o milênio. Mas, como a bíblia deve ser interpretada de forma harmônica, vemos em Lucas, Jesus nos dizendo quem são estes "santos". São os "santos anjos". Logo, não há base bíblica na utilização deste versículo para dizer que a igreja não passará pela grande tribulação.

PARTE 14
II Tm 4:1
"Conjuro-te pois diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu reino."

 COMENTÁRIO: Segundo a passagem mencionada acima, Jesus, na sua vinda, há de julgar os vivos e os mortos. Então, o argumento de que os salvos serão arrebatados antes da grande tribulação cai por terra, pois junto com a volta de Cristo haverá o julgamento. Será visível, pois todo olho verá. Não será como os pré-tribulacionistas afirmam, com um arrebatamento secreto e uma volta de Cristo sete anos depois

PARTE 15

I Cor 15:51-52

"Eis aqui vos digo um mistério: Nem todos dormiremos; mas todos seremos transformados. Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados."

Ap 10:7
"Mas nos dias da voz do sétimo anjo, quando tocar a sua trombeta, se cumprirá o segredo (mistério) de Deus, como anunciou aos profetas, seus servos."

 Mt 24: 29-31

"E, logo depois da aflição daqueles dias, o sol escurecerá, e a lua não dará a sua luz, e as estrelas cairão do céu, e as potências dos céus serão abaladas. Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem; e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão o Filho do homem, vindo sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória. E ele enviará os seus anjos com rijo clamor de trombeta, os quais ajuntarão os seus escolhidos desde os quatro ventos, de uma à outra extremidade dos céus."

 Ap 11:15-18

"E tocou o sétimo anjo a sua trombeta, e houve no céu grandes vozes, que diziam: Os reinos do mundo vieram a ser de Nosso Senhor e do seu Cristo, e ele reinará para todo o sempre. E os vinte e quatro anciãos, que estão assentados em seus tronos diante de Deus prostraram-se sobre os seus rostos e adoraram a Deus, dizendo: Graças te damos, Senhor Deus Todo-Poderoso, que és, e que eras, e que hás de vir, que tomaste o teu grande poder, e reinaste. E iraram-se as nações, e veio a tua ira, e o tempo dos mortos, para que sejam julgados, e o tempo de dares o galardão aos profetas, teus servos, e aos santos, e aos que temem o teu nome, a pequenos e a grandes, e o tempo de destruíres os que destroem a terra."


Mt 25:31-34

"E quando o Filho do homem vier em sua glória, e todos os santos anjos com ele, então se assentará no trono da sua glória; e todas as nações serão reunidas diante dele, e apartará uns dos outros, como o pastor aparta dos bodes as ovelhas. E porá as ovelhas à sua direita, mas os bodes à esquerda. Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo;

Mt 25: 41

"Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos."

Mt 25:46

"E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna."

 COMENTÁRIO: Embora a doutrina pré-tribulacionista afirme que as passagens acima referem-se a eventos distintos, não há como negar que tratam do mesmo episódio. Vemos inclusive palavras comuns, como trombeta, mistério, julgamento, galardão aos justos, tormento aos ímpios. Outro detalhe que derruba por terra o argumento de que a igreja não passará pela grande tribulação, é que Paulo afirma que será ante a última trombeta, e essa última trombeta é justamenta a sétima trombeta de Apocalipse 11, quando diz que os reinos vieram a ser de Cristo e que é o tempo de dar a recompensa aos servos de Jesus. Ora, segundo a doutrina pré-tribulacionista, ocorre uma inversão, pois primeiro ocorrerá o arrebatamento, com a recompensa dos justos, e posteriormente é que os reinos do mundo serão de Cristo. Mas na Bíblia, não é assim. Primeiro os reinos do mundo serão de Cristo, e posteriormente ocorrerá a recompensa dos justos. Logo, A IGREJA PASSARÁ PELA GRANDE TRIBULAÇÃO.

PARTE 16
Atos 1:10-11


"Estando eles com os olhos fitos no céu, enquanto subia, eis que junto deles se puseram dois varões vestidos de branco, os quais lhe disseram: Varões galileu, por que estais olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi recebido em cima no céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir."


Ap 1:7

 "Eis que vem com as nuvens e todo o olho o verá, até os mesmos que o transpassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Sim. Amém."

 Lc 21: 27

 "E então verão vir o Filho do homem numa nuvem, com poder e grande glória."

 Mt 24: 27

"Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até ao ocidente, assim será também a vinda do Filho do homem."


COMENTÁRIO: A volta de Jesus não será secreta. Será visível e todo o olho verá.

PARTE 17 – AS DUAS TESTEMUNHAS

Ap 11:3-12

 "E darei poder às minhas duas testemunhas, e profetizarão por mil duzentos e sessenta dias, vestidas de saco. Estas são as duas oliveiras e os dois castiçais que estão diante do Deus da terra. E, se alguém lhes quiser fazer mal, fogo sairá da sua boca, e devorará os seus inimigos; e, se alguém lhes quiser fazer mal, importa que assim seja morto. Estes têm poder para fechar o céu, para que não chova, nos dias da sua profecia; e têm poder sobre as águas para convertê-las em sangue, e pragas, todas quantas vezes quiserem. E, quando acabarem o seu testemunho, a besta que sobe do abismo lhes fará guerra, e os vencerá, e os matará. E jazerão os seus corpos mortos na praça da grande cidade que espiritualmente se chama Sodoma e Egito, onde o seu Senhor foi também crucificado. E homens de vários povos, e tribos, e linguas, e nações verão seus corpos mortos por três dias e meio, e não permitirão que os seus corpos mortos sejam postos em sepulcros. E os que habitam na terra se regozijarão sobre eles, e se alegrarão, e mandarão presentes uns aos outros; porquanto estes dois profetas tinham atormentado os que habitam sobre a terra. E depois daqueles três dias e meio o espírito de vida, vindo de Deus, entrou neles; e puseram-se sobre os seus pés, e caiu grande temor sobre os que os viram. E ouviram uma grande voz do céu, que lhes dizia: Subi cá. E subiram ao céu em uma nuvem: e os seus inimigos os viram"



1- TESTEMUNHAS

 At 1:8

"Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra."

 Dt 17:6

"Por boca de duas testemunhas, ou três testemunhas, será morto o que houver de morrer: por boca de uma só testemunha não morrerá."


Is 43:10

"Vós sois as minhas testemunhas diz o Senhor, e o meu servo, a quem escolhi; para que o saibais, e me creiais, e entendais que eu sou o mesmo, e que antes de mim deus nenhum se formou, e depois de mim nenhum haverá."

Ap 17:6

"E vi que a mulher estava embriagada do sangue dos santos, e do sangue das testemunhas de Jesus. E, vendo-a eu, maravilhei-me com grande admiração."

Ap 12:11

"E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho; e não amaram as suas vidas até à morte."


2 - AS DUAS OLIVEIRAS

Rm 11:17

"E se alguns dos ramos foram quebrados, e tu, sendo oliveira brava, foste enxertado em lugar deles, e feito participante da raiz e da seiva da oliveira,"

 Rm 9:24

"Os quais somos nós, a quem também chamou, não só dentre os judeus, mas também dentre os gentios?"

 3 - OS DOIS CASTIÇAIS

Ap 1:13

"E no meio dos setes castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de um vestido comprido, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro."

 Ap 1;20

"O mistério das sete estrelas, que viste na minha destra, e dos sete castiçais de ouro. As sete estrelas são os anjos das sete igrejas, e os sete castiçais, que viste, são as sete igrejas."


4- A BESTA LHES FARÁ GUERRA, E OS VENCERÁ, E OS MATARÁ


Ap 13:7

"E foi-lhe permitido fazer guerra aos santos, e vencê-los; e deu-se-lhe poder sobre toda a tribo, e língua, e nação."

 Mt 5:22

"E odiados de todos sereis por causa do meu nome: mas aquele que perseverar até ao fim será salvo."

Mt 24:9

"Então vos hão de entregar para serdes atormentados; e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as gentes por causa do meu nome."

Jo 15:20

"Lembrai-vos da palavra que vos disse: Não é o servo maior do que o seu senho. Se a mim me perseguiram, também vos perseguirão a vós; se guardaram a minha palavra, também guardarão a vossa."

Dn 7:21

"Eu olhava, e eis que esta ponta fazia guerra contra os santos, e os vencia."


5- E OS QUE HABITAM NA TERRA SE REGOZIJARÃO SOBRE ELES

Jo 16:20

"Na verdade, na verdade vos digo que vós chorareis e vos lamentareis, e o mundo se alegrará, e vós estareis tristes; mas a vossa tristeza se converterá em alegria."

6 - O ESPÍRITO DE VIDA, VINDO DE DEUS, ENTROU NELES

II Tess 4:16-17

"Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo, ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor."


7 - E OUVIRAM UMA GRANDE VOZ DO CÉU, QUE LHES DIZIA, SUBI CÁ

II Tess 4:16-17

"Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo, ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor."

8 - E OS SEUS INIMIGOS O VIRAM
Ap 1:7

"Eis que vem com as nuvens e todo olho o verá, até os mesmos que o transpassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Sim. Amém."


COMENTÁRIO: As duas testemunhas é a igreja, composta de oliveira (judeus) e oliveiras bravas (gentios), que após acabarem o seu testemunho, será perseguida e morta (grande parte dela), mas no final, Cristo ressuscitará os mortos e transformará os vivos quando da sua vinda. CONCLUSÃO: A IGREJA PASSARÁ PELA GRANDE TRIBULAÇÃO.

4 comentários:

  1. Em primeiro lugar esse Jesus que todos esperam não é o cristo verdadeiro...o nome do Messias é YESHUA..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CREIO QUE O NOME NA LINGUA ORIGINAL SEJA MESMO YESHUA, PORÉM NÃO HÁ ERRO OU PECADO SE O CHAMARMOS DE JESUS, A INTENÇÃO DO POVO É MENCIONAR O MESSIAS, O SALVADOR QUE MORREU NA CRUZ E RESSUSCITOU AO TERCEIRO DIA!

      Excluir
  2. CONTRADIÇÕES & CONTRADIÇÕES...
    Concordo que a teoria dos pré-tibulacionistas não procede ao pregarem TRÊS VINDAS DE JESUS (A 1ª vinda p/ se fazer carne; a 2ª vinda, secreta para arrebatar a Igreja antes da G.T.; e a 3ª vinda, para reinar com a Igreja Mil anos (???).

    Porém, a grande maioria de pós-tribulacionistas Sistemáticos, também erram ao pregarem DUAS VINDAS DE JESUS (a 1ª vinda p/ se fazer carne, e 2ª vinda, para a ressurreição e arrebatamento da Igreja). Embora a visão pós-tribulacionista do autor André de Morais, esteja correta acerca da vinda do Senhor, LOGO APÓS A AFLIÇÃO DAQUELES DIAS (Mat. 24:29-30), para COLHER PRIMEIRO O JOIO (Mat. 13:30a.), e somente depois, nos dias, em presença, ante a sétima e última trombeta, acontecerá A COLHEITA DO TRIGO, (ressurreição e arrebatamento da igreja. Mat. 13:30b.).

    Todavia o mesmo autor, já erra ao dizer que Jesus VIRÁ SEGUNDA VEZ, confiando a sua interpretação em apenas dois únicos versos “indefinidos” (Heb. 9:27-28).
    Ao passo que o contexto bíblico afirma diferente: A próxima Vinda pessoal de Jesus, SERÁ A SUA TERCEIRA VINDA; pois SUA SEGUNDA VINDA PESSOAL, já ocorreu ao oitavo dia da ressurreição em Galiléia (João 20:26), quando se apresentou aos seus discípulos dizendo: “É-ME DADO TODO O PODER NO CÉU E NA TERRA”. Mat. 28:18.

    Apesar de tropeçar nalguns detalhes escatológicos, no geral a pregação do autor, não está longe da verdade, parabéns!!!

    Se desejar entender o plano escatológico, não o Teológico mas o Divino, peça gratuitamente o nosso gráfico, contendo a ordem e a cronologia bíblica do Apocalipse Pós-tribulacionista R.B. (revelação bíblica), pelo E-mail: Jaime.ap@hotmail.com

    Abraços,
    Jaime e Júlio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A paz do Senhor Jesus irmao Jaime! Gostaria de receber um estudo em ordem cronologica. Entrarei em contato vcs em breve!

      Excluir